A importância da assessoria jurídica especializada para agencias de digital influencer

Saber de números, organizar campanhas, ligar para parceiros, essa é a vida de toda agência de digital influencer.

Concorda comigo?

Se você se identificou com esta frase acima, tenha em mente que toda agência de influenciadores é uma agência de marketing.

Além de gerenciar 360º a vida de um digital influencer, elas têm que se preocupar de maneira estratégica o que pode acontecer na vida do influenciador (a).

Desta forma, as agências devem ficar preocupadas com relação a parte contratual com o influenciador e com as marcas que patrocinam seus clientes.

Diante disto, ter uma assessoria jurídica que analise os contratos dos influenciadores com as marcas, é essencial para saber se está tudo correto.

Evitando assim, um problemão lá na frente, não é verdade?

Portanto, neste post você terá claro a importância de uma assessoria jurídica especializada para agências de influenciadores.

  • O que são agências de influenciadores?
  • Quero contratar uma agência de digital influencers, o que preciso me preocupar?
  • Quais os contratos que toda agência de digital influencer deve se preocupar?
  • A importância de uma assessoria jurídica em contratos.
  • Conclusão

 

⧫⧫⧫⧫⧫

 

1. O que são agências de influenciadores?

Antes de tudo, comparando de maneira legal, as agências de são nada mais do que agências de marketing comuns. 

Além disso, elas oferecem um serviço estratégico para o digital influencer, elas olham para todo o cenário dos clientes. 

Logo, a principal diferença dessas agências, são o trabalho focado com um tipo de cliente, de persona, os influenciadores e influenciadoras. 

Costumo falar que, algumas dessas agências fazem o serviço de gestão 360º da carreira do influencer.

Diante disto, são elas as responsáveis pelo fechamento de contratos com empresas em que precisam da imagem do influenciador para uma campanha.

Portanto, uma campanha com digital influencers, seja ela complexa ou não, pode trazer um retorno de até 11 vezes sobre o valor investido. 

Desde a elaboração do briefing até o planejamento da campanha, essas agências são especializadas em facilitar a execução de ações com influenciadores digitais. 

Agências de influenciadores desenvolvem, implementam, promovem e refinam o trabalho com influencers. 

Por fim, existem também as agências que trabalham com nichos específicos de campanhas, como:

  1. Campanhas para vendas de roupas;
  2. Campanha para venda de acessórios;
  3. Campanhas de engajamento;
  4. Influência criativa;
  5. Campanha para gerar leads 

 

⧫⧫⧫⧫⧫

 

2. Quero contratar uma agência de digital influencer, o que preciso me preocupar?

Antes de fechar um contrato com uma agência de influencers, preste atenção se ela tem uma equipe. Um time que possa lhe ajudar a resolver tudo.

Neste time é importante que todos os profissionais respirem e conheçam bem o marketing de influência. 

Além de saber trabalhar com pessoas, ou seja, com os influenciadores.

Lembre-se que é sobre gente! No final de tudo, é sobre CPF e não sobre CNPJ.

também observe os serviços que a agência vai prestar para você, influenciador.

Além disso, ter uma equipe jurídica é bastante importante, até como forma de proteção de possíveis quebras de contrato.

 

⧫⧫⧫⧫⧫

 

3. Quais os contratos que toda agência de digital influencer deve se preocupar?

3.1. Contrato Social

Falamos neste post aqui que todo digital influencer tem que ter um CNPJ, necessita de um contrato social, quando é feita a abertura da empresa. 

Sem dúvida, este é o primeiro contrato ou um dos primeiros que o digital influencer deve assinar.

Então, quando é solicitado a abertura do CNPJ, é feito este contrato, que consta informações com:

  • Objeto social;
  • Prazo da sociedade;
  • Nome da empresa;
  • Sede social;
  • Descrição do capital social;
  • Contribuições individuais e;
  • Número e distribuição das quotas.

Geralmente os digital influencer iniciam de forma simples, como uma Micro Empresa.

Diante disto, é escolhida essa modalidade, pois apresenta vantagens como a responsabilidade dos sócios limitada ao valor da sua contribuição.

Mas, ao criar este contrato social, é importante tomar cuidado com as cláusulas, portanto, esteja com um profissional ao lado.

De modo geral, o contrato social define as regras de operação e organização em torno da estruturação e gestão da sociedade.

Portanto, este é o contrato de nascimento da empresa do influenciador, além de poder emitir notas fiscais dos seus serviços prestados.

 

3.2. Contrato de Confidencialidade ou NDA

Este contrato é de fundamental importância para os negócios envolvendo digital influencers.

O acordo de confidencialidade (também conhecido como NDA ou Contrato de Não Divulgação) é feito para não vazar informações internas das campanhas de marketing.

Além disso, permite que as partes não obtenham vantagem competitiva com a informação transmitida, principalmente quando ainda se está em negociação.

Em resumo, o contrato enfatiza a obrigação da outra parte (patrocinador, influencer, investidor) de não vazar informações internas.

Caso contrário, o beneficiário do NDA poderá ser indenizado conforme as penalidades previstas para quem descumprir o acordo.

Geralmente estes contratos são assinados quando os influencers são contactados para campanhas publicitárias. 

Além disso, muitos investidores em potencial querem que os influencers assinem esse tipo de contrato antes de compartilhar suas ideias de negócios brilhantes, já que termos de confidencialidade tem como objetivo proibir o compartilhamento de informações.

Este contrato é um dos mais utilizados no marketing de influência.

 

3.3. Contratos de direito de imagem

De início, este contrato é muito comum no mercado desportivo e do entretenimento e pode ser acoplado ao contrato de prestação de serviços.

Nós não aconselhamos essa união de contratos em apenas um contrato, pois, o contrato de prestação de serviços é regido pela legislação trabalhista. 

Enquanto o contrato de direito de imagem é regido pela legislação civil.

Caso seja unificado o contrato, isto pode causar problemas num futuro.

Ademais, o contrato de direito de imagem, da permissão a ao contratante de utilizar a imagem do contratado.

Importante que prevejam em quais mídias sociais e em que locais de divulgação irão utilizar a imagem do contratado.

 

3.4. Contratos de Patrocínio 

Primeiramente, esse modelo de financiamento é uma forma de investimento que as marcas fazem nos influenciadores.

Tem o principal objetivo de alcançar um determinado público.

Por meio do patrocínio, o digital influencer recebe um valor financeiro em troca da representação da marca.

Em contrapartida, a imagem da empresa melhora, ela ganha mais simpatia do público e, consequentemente, mais espaço no mercado.

Entretanto, muitas empresas não compreendem também como ocorrem as negociações e os combinados com esse público. 

 

3.5. Termos de Uso (T&C) e Política de Privacidade

Contrato da última geração!

Contrato feito para proteção de dados sensíveis que são informados em plataformas digitais, com o site do influenciador ou da agência.

No caso de um fã do digital influencer fazer uma compra de um produto no site, este termo de uso deve constar dentro do site.

Este documento deverá ser facilmente acessível dentro do site ou plataforma que disponibiliza seu serviço.

Aliás, deverá conter todas as regras de utilização, riscos, benefícios, direitos e deveres tanto do usuário quanto da empresa.

Logo, deve trazer as regras relativas à privacidade dos dados coletados dos usuários, sempre em acordo com as regras do marco civil da Internet.

 

3.6. Licenciamento da Marca

Antes de mais nada, quando um influencer digital atinge um certo patamar de influência, ele consegue furar a bolha e torna-se uma Marca.

Aqui damos exemplo de um dos maiores influenciadores digitais do Brasil, a Anitta.

Toda marca que se utiliza do branding da Anitta, consegue grandes feitos. 

A exemplo do Nubank que fez um contrato Mídia for equity com Anitta, onde a mesma trocou a sua influência por participação societária na empresa.

O Licenciamento de marca é um contrato onde o licenciado “aluga” os direitos de parte de uma propriedade intelectual, que é o dono da marca, protegida:

  • Nome;
  • Imagem,
  • Logotipo;
  • Personagem.

Para ser licenciada, uma marca tem que ser conhecida do público e consolidada no mercado. 

E o mais importante é que a marca precisa ser registrada no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial), em sua categoria correspondente.

Por fim, o registro de marca dá ao dono o direito legal de usá-la com exclusividade em determinado segmento, com validade em todo o território brasileiro. 

 

⧫⧫⧫⧫⧫

 

4. A importância de uma assessoria jurídica em contratos para agências de digital influencer.

É fato que, as agências de influencers digitais que possuem uma assessoria profissional e experiente, conseguem vantagens em relação aos demais.

Como exemplo, podemos citar a elaboração de contratos mais vantajosos, interesse de vários patrocinadores.

Assim, é necessário que seja escolhido um profissional especializado, que ofereça uma assessoria e estrutura adequada.

Portanto, rodeado de profissionais habilitados e experientes, os digital influencers podem se dedicar exclusivamente ao exercício da sua profissão, a de criador de conteúdo.

Assim, o Digital influencer pode ampliar suas chances de conquistar melhores resultados e, por conseguinte, valorizar sua imagem, abrindo novas oportunidades com patrocinadores.

⧫⧫⧫⧫⧫

 

Conclusão

Por fim,  a assessoria jurídica é necessária e importante para todos, tanto a agência quanto para os Influenciadores, concorda?

Diante disso, sempre conte com a ajuda de profissionais qualificados, que gostem da profissão e que estejam sempre se atualizando.

Então não deixe de comentar o que você achou destas dicas e compartilhar este post para ajudar pessoas que tenham essas dúvidas.

Portanto, se ainda tem alguma dúvida ou precisa de um apoio especializado, entre em contato conosco que teremos o prazer de ajudá-lo!

Deixe um comentário